banner

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

author photo


Mais um encontro político com vocação eleitoral sinaliza o surgimento de uma nova chapa para tentar derrotar o governador Rodrigo Rollemberg (PSB) nas urnas. A reunião ocorreu nesta quarta-feira (31/1), na casa do presidente do DEM, deputado federal Alberto Fraga, no Lago Norte. O evento ocorre justamente um dia após outro grupo de opositores à gestão do socialista ensaiar união em contraponto ao Palácio do Buriti.

Oposição dividida
Fraga não convidou os responsáveis pela reunião de terça-feira: o democrata chamou apenas pré-candidatos já proclamados à eleição majoritária e, principalmente, com “afinidades políticas” entre si. Também declarados opositores a Rollemberg, PPS, PSD, PDT, PPL e Pros foram ignorados pelo anfitrião.

A estratégia do grupo é agir rapidamente, de forma a marcar o território na disputa eleitoral, que começou a esquentar nos últimos dias. A intenção, segundo Fraga, era integrar apenas nomes da considerada “direita”.

Além do ex-secretário de Saúde Jofran Frejat, estiveram no encontro o deputado federal Izalci Lucas (PSDB), o ex-distrital Alírio Neto (PTB) e o ex-vice-governador Tadeu Filippelli (MDB). Apesar de o evento ter reunido postulantes ao Buriti, ainda não houve sinalização de quem concorreria a qual cargo em uma eventual chapa conjunta.

Considerado com bom trânsito entre vários grupos políticos, o presidente local do PSD, deputado federal Rogério Rosso, foi surpreendido pela notícia do novo encontro. “Vixe, estou por conta da reforma da Previdência”, despistou. Rosso foi um dos responsáveis pela reunião de terça – que, pelo jeito, causou desconforto na cena política local.


your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior

Publicidade