banner

sexta-feira, 21 de setembro de 2018

author photo
Alírio Neto, o vice que causa confusão por onde passa

A debandada em forma de vingança dos 32 candidatos a deputado federal e a deputado distrital que estão fora da disputa eleitoral por uma decisão colegiada do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-DF), refletiu negativamente no coração da campanha da empresária Eliana Pedrosa (Pros). Alírio Neto, vice de Eliana, candidata ao Buriti, ainda recorreu para salvar a sua turma, mas foi derrotado pela segunda vez. Os advogados do PTB podem até insistirem com um novo recurso, mas será um ato apenas protelatório. O acórdão do TRE deve ser publicado amanhã ou na segunda-feira (24).

Por Toni Duarte//RADAR-DF
Os candidatos petebistas que ainda nutriam a esperança de poder disputar as eleições, que ocorrem no próximo dia sete de outubro, ficarão definitivamente fora da corrida à Câmara Federal e a Câmara Legislativa. O acórdão que veta a participação de 32 candidatos do PTB será publicado pela Corte Eleitoral nesta sexta-feira (21) ou no mais tardar na segunda (24). Para a justiça eleitoral eles não estão filiados a nenhum partido.

A culpa é atribuída ao desagregador e espalha brasa Alírio Neto, vice de Eliana, acusado de ter negligenciado ao perder o prazo da lei eleitoral para a filiação e inscrição dos referidos candidatos de seu partido. Alírio cuidou apenas da candidatura dele e esqueceu dos correligionários que passaram quatro anos se preparando para disputar as eleições de 2018.

Apenas seis postulantes a cargos proporcionais pelo PTB escaparam da guilhotina do TRE. Eles podem continuar com as suas campanhas nas ruas, no entanto, também estão prejudicados já que dificilmente, ainda que se esforcem, não terão os votos suficientes para se elegerem. A nominata foi para o brejo.

Os advogados do partido resolveram jogar a toalha.
Advogados da área eleitoral, consultado pelo Radar, informaram que apesar de ainda caber recurso, no entanto será uma medida meramente protelatória sem a eficácia de reverter uma decisão colegiada. Além do mais não há mais tempo já que a eleição ocorrer daqui a 16 dias.

A maioria dos ex-candidatos petebistas debandou para outros lados. Grande parte aderiu a campanha de Alberto Fraga (DEM) que já está empatado tecnicamente com Eliana Pedrosa, segundo o Datafolha. Outros estão com Ibaneis Rocha (MDB), que também sobe veloz nas pesquisas de intenção de voto e que pode chegar ao segundo turno. Em 19 dias de campanha o advogado que partiu com dois pontos percentuais subiu que nem foguete e está com 13%, conforme aponta o levantamento do Datafolha publicado na noite de ontem.

A debandada afetou sensivelmente a campanha de Eliana Pedrosa nas ruas. O reflexo devastador empurra Eliana de degraus abaixo. Ela que atingiu um pique de 23%, antes da rebelião de seus apoiadores, agora está com 20%, segundo também o Datafolha. A confusão é enorme dentro do comitê de Eliana.

E a culpa é de quem? “É do Alírio”, responde os ex-candidatos com facas nos dentes.

Candidaturas indeferidas

» Airam Oliveira Alves Correia

» Aldenir Alves de Sousa

» Alex Alves Neves

» Antonio Cesar dos Santos Ramos

» Arionildo Barros Lima

» Elizabete Moreira de Queiroz

» Filipe da Silva Costa

» Gizele Ribeiro dos Santos

» Hércules Silva do Nascimento

» Irenaldo Pereira Lima

» Ivone Armando Luzardo de Sousa

» Jacira Siqueira Silva

» Jaqueline Ângela da Silva

» João de Deus Santana

» Jose Francisco da Silva

» Jose Ricardo de Souza Brandão

» Luciano Gonzaga da Silva

» Luciomar Ventura da Silva

» Pablo Aguiar Tavares de Paula Gomes

» Paulo Fernando Carneiro Monteiro

» Renne Leite Carmo de Souza

» Sebastiana da Silva Freire

» Sihami Jaber Mudarra

» Stanley Barreto Salgado

» Vera Lucia do Nascimento Severino

» Francisco Costa de Santana

» Paulo Henrique Magalhães Poli

» Flavio Correia de Sousa

» Zaias Soares Pereira

» Juraci Pessoa de Carvalho (Tesoura de Ouro)

» Mauro Rogério Gomes Pessanha

» Andréa Maria Mendes

your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior

Publicidade