banner

domingo, 28 de outubro de 2018

author photo

Dia de festa no condomínio de Bolsonaro teve churrasco e muitos fogos
Vizinhos acompanharam apuração em telão e passaram dia celebrando: poucos petistas da vizinhança foram destratados
Ser vizinha de Jair Bolsonaro neste domingo (28/10) foi morar no paraíso para eleitores do “mito” e no inferno para quem rejeita as ideias do militar. O endereço, outrora pacato oásis de tranquilidade no meio do Rio de Janeiro de violência, ganhou os holofotes do Brasil e se transformou no ponto de encontro de uma multidão de eleitores do capitão. Desde cedo, seguidores do militar se acotovelavam nas calçadas e comemoravam com fogos de artifício e palavras de ordem a iminente vitória do presidenciável.
Das 150 casas do Vivendas da Barra, apenas quatro têm eleitores declarados ao candidato do PT e somente uma passou os últimos dias com uma bandeira vermelha no jardim – curiosamente, há menos de 10 metros, do outro lado da rua, há dois pichulecos de Lula pendurados numa janela.
“Somos minoria absoluta aqui dentro e só descobrimos isso durante o processo eleitoral. Tem sido muito difícil”, conta um dos moradores, professor universitário, 46 anos, indignado com as reações dos vizinhos com seus três filhos, uma menina de 6 anos e dois adolescentes que não dispensam o adesivo 13 no peito.
“Hoje estava andando de bicicleta com minha filha pequena. Ela perguntou se podia passar na frente da casa de Bolsonaro. Eu disse que sim e uma vizinha que conhece nossa opção política se meteu na conversa e disse ‘menina, para ir lá na casa do presidente tem que votar nele’. Minha filha, tadinha, olhou para mim assustada”, conta o professor.
O Vivendas da Barra é um condomínio antigo, com ruas sem saída, casas sem muros. Todos se conhecem, a maioria desde a infância. “Tenho o maior orgulho de ser vizinha do Bolsonaro”, conta uma moradora da mesma rua do capitão, a C, onde quase todos os moradores passaram o domingo de camiseta amarela e fazendo churrasco. “É o churrasco da vitória. Vamos ganhar de lavada”, previa outra vizinha, comerciante, e moradora da casa ao lado da de Bolsonaro – lá também havia churrasco.

your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior

Publicidade