banner

domingo, 14 de outubro de 2018

author photo


As novas regras para o financiamento das campanhas atraíram milionários para a disputa. Com isso, a soma do patrimônio de todos os candidatos que disputaram as eleições no Distrito Federal triplicou, entre 2014 e 2018. Há quatro anos, os políticos que entraram na corrida eleitoral em Brasília tinham bens que, juntos, totalizavam R$ 506,1 milhões. Este ano, esse valor chegou a R$ 1,47 bilhão.
Os três partidos que concentraram mais candidatos milionários foram Solidariedade, MDB e Novo. Os dados foram inflados com a candidatura do empresário Fernando Marques (SD) ao Senado. Com patrimônio declarado de R$ 668 milhões, ele foi o candidato mais rico de todo o Brasil.

your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior

Publicidade