( 00:00:00 )

sexta-feira, 15 de março de 2019

author photo

Pai, madrasta e outros dois são condenados pela morte do menino Bernardo
Bernardo Uglione Boldrini, 11 anos, foi dado como desaparecido em 4 de abril de 2014. Depois de 10 dias, o corpo dele foi encontrado em uma cova, no município Frederico Westphalen, próximo a Três Passos (RS)
Os quatro acusados pela morte do menino Bernardo Uglione Boldrini, em abril de 2014, foram condenados nesta sexta-feira (15/3) pelo Conselho de Sentença do Tribunal do Júri. Após cinco dias de julgamento, a decisão foi lida no começo da noite pela juíza Sucilene Engler Werle no Foro de Três Passos, no Noroeste do Rio Grande do Sul. Pai, madrasta e outros dois acusados responderão pelo crime.
Interrogados, o pai do menino, a amiga da madrasta e o irmão dela negaram participação no crime. A madrasta Graciele Ugulini alegou que houve 'um acidente' com superdosagem de remédios. "Uma série de erros", como disse ela ao juri, no primeiro dia de julgamento.
Memória

your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior