( 00:00:00 )

segunda-feira, 9 de setembro de 2019

author photo


Uma briga entre um homem identificado como Aniclenes, de 25 anos, e outro rapaz não identificado durante uma festa de rodeio na cidade de Mozarlândia acabou com duas mortes e um ferido. Segundo a Polícia Militar (PM) da região, o autor e o desafeto, uma das vítimas que faleceu no local, se desentenderam na noite de domingo (8/9) por causa da quantidade de drogas que usavam no evento.
A versão do crime conhecida pela PM vem de relatos da única vítima que sobreviveu, a qual, até o momento, não foi formalmente identificada pela PM e nem pela Polícia Civil. O sobrevivente contou que um grupo usava drogas na festa quando Aniclenes e um amigo acharam que um tinha usado mais do que o outro. Para não haver disparos no local, todos fugiram. Poucas horas depois, o autor encontrou o desafeto com dois amigos na orla do lago e se aproximou atirando contra todos eles. Dois morreram no local e um foi socorrido pela PM e encaminhado para o hospital da cidade.
As informações do hospital são de que o atingido corre grave risco de morrer e, se sobreviver, terá sequelas, como uma possível tetraplegia devido um disparo nas costas. Na manhã de segunda-feira (9/9), o sobrevivente foi encaminhado ao Hospital de Urgência de Goiânia (Hugo). O autor do crime segue preso na delegacia de Polícia Civil de Mozarlândia por ter sido pego em flagrante.
Os policiais militares o encontraram escondido num quarto na casa dos pais. Em seu carro, que estava estacionado próximo ao local, foram encontrados uma média quantidade de cocaína e cerca de R$ 3 mil em dinheiro. Segundo a Polícia Militar, os quatro envolvidos no crime têm passagens na Polícia Civil por tráfico de drogas, porte de armas e pequenos delitos.

Com Mais Goiás
your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior