( 00:00:00 )

domingo, 6 de outubro de 2019

author photo

Curiosidade sobre o conteúdo de diálogos das consultas ao VAR sempre deixam torcedores atormentados. Afinal, o que eles conversam?
O momento em que o árbitro põe o dedo indicador no fone de ouvido após um gol é o terror para jogadores técnicos e as torcidas nas arquibancadas. Atônitos, ficam todos apreensivos com o gestos. Narradores de TV e rádios que gritaram gol ficam desconcertados. A tensão é grande.
A Conmebol divulgou nesta sexta-feira (4) os áudios dos diálogos do VAR com o árbitro Nestor Pitada durante as quatro intervenções na partida entre Grêmio x Flamengo, pelo jogo de ida da semifinal da Copa Libertadores. Foram três gols anulados do Rubro-Negro e um pedido de expulsão de Michel, volante do time gaúcho.
Após o empate em 1 a 1, em Porto Alegre, as equipes voltam a se enfrentar no dia 23 de outubro, quarta-feira, às 21h30, no Maracanã. O Flamengo joga por um empate sem gols. O Grêmio precisa empatar por dois ou mais gols. Quem vencer avança para a final.
Diálogos lance a lance
Primeiro gol anulado
“Olha se não fazem falta em Walter (Kannemann) antes. Há um empurrão claro do 9 no 4 que faz ele cair, faz perder um tempo para defender”, disse o VAR.
“Se atrasa o defensor claramente. Vou com falta, não gol, somente falta fora da área”, concordou Pitana.
Segundo gol anulado
your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior