Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Classic Header

{fbt_classic_header}

Últimas notícias

latest

Crianças com Down morrem enquanto esperam por vaga de UTI no DF

Crianças com Down morrem enquanto esperam por vaga de UTI no DF Pelo menos quatro pacientes morreram em outubro. Outro menino perdeu a vid...


Crianças com Down morrem enquanto esperam por vaga de UTI no DF
Pelo menos quatro pacientes morreram em outubro. Outro menino perdeu a vida porque não havia ambulância para transferi-lo de hospital
Asaga que pais e mães de filhos com algum tipo de doença grave enfrentam envolve sacrifício, muita luta, e é marcada pelo suplício da espera por justiça. Mesmo com decisões judiciais nas mãos, é dura a espera por uma vaga em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para que os pequenos possam ser submetidos a uma cirurgia e, assim, conseguirem sobreviver. Enquanto bebês com poucos meses de vida aguardam pela chance de operar um órgão malformado, alguns não resistem ao tempo de espera e acabam morrendo antes mesmo de terem a oportunidade de passar pelas mãos da equipe médica.
Apenas no mês de outubro, ao menos quatro crianças com síndrome de Down morreram à espera de um leito de UTI, ou imediatamente após serem transferidas. Dos casos levantados pelo Metrópoles, a maioria dos pacientes tinha alguma cardiopatia e devia ser transferida para o Instituto de Cardiologia do Distrito Federal (ICDF).
Em comum, as famílias desses meninos e meninas recorreram à Defensoria Pública do DF (DPDF) e conseguiram liminares do Judiciário, obrigando o Distrito Federal a conseguir um leito na rede pública, conveniada ou a pagar os custos em hospital particular. Neste ano, a DPDF defendeu 40 causas envolvendo pedidos de internação de crianças.