quinta-feira, 28 de novembro de 2019

author photo

Morte de médico por PM leva medo à vizinhança da 314/315 Sul
Corpo será levado para Ceres, cidade no interior goiano onde Luiz Augusto Rodrigues nasceu. Ele foi atingido por um tiro de carabina.
A morte do médico Luiz Augusto Rodrigues, 45 anos, na madrugada desta quinta-feira (28/11/2019), gerou um clima de insegurança na quadra 314/315 Sul. O endocrinologista foi baleado por um policial militar durante uma abordagem no estacionamento em frente ao Teatro dos Bancários. Luiz será velado e enterrado em Ceres, cidade onde nasceu, no interior de Goiás. Os horários do velório e do enterro ainda não foram definidos.
Todas as pessoas que conversaram com o Metrópoles pediram para não serem identificadas. Um vigilante que trabalha próximo ao local relatou que a morte do profissional assusta por ter sido cometida por um PM. “O que me deixa mais espantado, como cidadão, é o despreparo da polícia militar, porque não dá para entender o motivo”, ressaltou.
Porteiro de um prédio na quadra há 7 anos, ele contou que nunca soube de caso parecido. “Nós que trabalhamos em portaria ficamos ainda mais expostos a esse tipo de situação. Gera medo em todos nós.”

your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior

Tempo Agora

ESTRUTURAL - DF TEMPO AGORA