Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Classic Header

{fbt_classic_header}

Últimas notícias

latest

Seca: DF registra primeiras chuvas após quase 4 meses; veja vídeos

Seca: DF registra primeiras chuvas após quase 4 meses; veja vídeos Moradores de regiões como Águas Claras, Guará, Lago Sul e Sudoeste regist...



Seca: DF registra primeiras chuvas após quase 4 meses; veja vídeos
Moradores de regiões como Águas Claras, Guará, Lago Sul e Sudoeste registraram momento em que a chuva começou, nesta segunda-feira (21/9)

Os dias de seca deram uma trégua aos brasilienses nesta segunda-feira (21/9). Após 119 dias sem chuva, algumas regiões administrativas como Águas Claras, Guará, Jardim Botânico, Lago Sul, Setor de Indústrias Gráficas (SIG) e Sudoeste tiveram registro de precipitação nesta tarde. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) havia indicado, no fim de semana, que haveria chances de pancadas isoladas no Distrito Federal.

Em algumas partes do DF, o céu permanece encoberto, com bastante nuvens e presença de névoa. Mas, segundo o Inmet, a possibilidade é de que as chuvas ocorram em áreas isoladas. Nas regiões de Águas Claras e do Sudoeste, por exemplo, apesar de rápida, a precipitação foi recebida em clima de comemoração pelos moradores.

Além disso, a umidade relativa do ar ficou em níveis mais altos do que os verificados no fim de semana, quando registraram-se as temperaturas mais altas do ano. Nesta segunda-feira (21/9), o indicador varia de 30% a 55%. A temperatura máxima prevista é de 33°C, e a mínima, de 19°C.

A sensação de alívio pelo período de estiagem deve se manter na terça-feira (22/9), quando a umidade relativa do ar ficará entre 35% e 90%. A temperatura deve variar entre 17°C e 28°C. A previsão, de acordo com o Inmet, é de "muitas nuvens, com pancadas de chuva e trovoadas isoladas".
Ranking de estiagem

1º - 1970 (135 dias)
2º - 1966 (131 dias)
3º - 2010 (130 dias)
4º - 2017 (127 dias)
5º - 1995 (126 dias)
6º - 2007 (125 dias)
7º - 2008 (123 dias)
8º - 2020 (119 dias)
9º - 1991 (117 dias)
10º - 2019 (113 dias)

Meteorologista do Inmet, Olivio Bahia afirma que algumas regiões administrativas podem ter chuvas mais fortes, principalmente na parte sul do DF, onde as nuvens estão carregadas. O especialista acrescenta que o aumento do teor de umidade na coluna atmosférica, a cerca de 5 mil metros de altura, favoreceu a instabilidade que atingiu a capital federal.

A expectativa é de que precipitação dure, ao menos, até quinta-feira (24/9). "É possível que fique seco novamente no fim de semana. Aparentemente, ainda não é o início do período chuvoso. Mas o padrão de tempo muito seco começa a querer mudar", observa Olivio.

Ele lembra que, nos últimos dias, houve registros de umidade relativa do ar abaixo de 12%, além de diversos focos de queimada. Por isso, as primeiras chuvas trazem ao solo poluentes da atmosfera. As chuvas mais frequentes, contudo, só aparecerão a partir da segunda quinzena de outubro.

Nenhum comentário