Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Últimas notícias

latest

Morre Arivaldo Silva Chaves, ex-presidente do TJGO, vítima da covid-19

Governador Ronaldo Caiado (DEM), ex-governador Marconi Perillo (PSDB) e TRE-GO manifestaram pesar pelo falecimento do magistrado. Morreu, ma...

Governador Ronaldo Caiado (DEM), ex-governador Marconi Perillo (PSDB) e TRE-GO manifestaram pesar pelo falecimento do magistrado.


Morreu, madrugada deste sábado (20/3), no Distrito Federal, o desembargador Arivaldo da Silva Chaves, em decorrência da covid-19. O magistrado foi vice-presidente e corregedor do Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO) em 2000 e presidente da corte em 2001.
O desembargador também presidiu o Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), onde se aposentou, e passou a exercer a advocacia. O escritório passará a ser administrado pela equipe que o acompanhou.
Natural de São Domingos (GO), Arivaldo, que também foi vice-presidente da Associação dos Magistrados do Estado de Goiás (Asmego), foi casado por 57 anos com Dona Mariquita, que morreu recentemente, e deixa as filhas, Sinara, Scheila e Silvana, dois genros, quatro netos e uma bisneta. Ele estava internado na UTI Cardiológica do Hospital DF Star e morreu em decorrência de complicações pós-covid-19.
O magistrado é irmão do também desembargador e ex-presidente do TJGO Leobino Valente Chaves, e do bispo emérito de Uruaçu, dom José Silva Chaves.
"Manifestamos aqui os nossos sentimentos aos familiares e amigos do desembargador Arivaldo Silva Chaves, bem como inteira solidariedade a todos os que hoje sofrem com perdas irreparáveis de vidas diante do avanço da pandemia em Goiás e no Brasil. Que Deus, em sua infinita bondade, possa confortar o coração de cada um de vocês", escreveram o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), e sua esposa, Gracinha Caiado.

O ex-governador de Goiás Marconi Perillo (PSDB) e Valéria Perillo também lamentaram a perda do magistrado. "Homem probo que enalteceu a sociedade goiana através do incansável trabalho no Judiciário. Que Deus conforte aqueles que choram de saudades e ilumine seus corações que sofrem com o luto."
O desembargador Leandro Crispim, presidente do TRE-GO, escreveu, em nota, que roga "a Deus que conceda paz à alma do Desembargador Arivaldo e o necessário consolo a seus familiares e amigos nesta dolorosa despedida."
O enterro do desembargador foi na tarde deste sábado (20/3).

 Fonte: Correio Braziliense 

Nenhum comentário