Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Últimas notícias

latest

Secretaria da Saúde otimiza o atendimento a pacientes com Covid-19

Secretaria da Saúde otimiza o atendimento a pacientes com Covid-19 Nova circular manterá a requisição de profissionais do atendimento secund...

Secretaria da Saúde otimiza o atendimento a pacientes com Covid-19


Nova circular manterá a requisição de profissionais do atendimento secundário como dentistas e o estímulo à desospitalização de pacientes
Depois dos problemas causados pela circular 55, assinada pelo subsecretário de Assistência à Saúde, Petrus Sanches, no dia 22 de março, a Secretaria de Saúde preparou outro ato normativo, com o objetivo de otimizar o atendimento aos pacientes de coronavírus nos hospitais do DF, mas sem prejudicar o tratamento de outras doenças.
A nova circular manterá a requisição de profissionais do atendimento secundário como dentistas e o estímulo à desospitalização de pacientes, caso seja possível. No entanto, ao contrário da circular 55, serão mantidas as cirurgias cardiovasculares, de câncer e os transplantes. 
O DF dispõe hoje de 850 leitos, contando as redes pública e privada de saúde.
Segundo o Secretário de Saúde, Osnei Okumoto, até o final de março, mais 29 leitos de UTIs serão abertos em unidades públicas. Ao final da coletiva que ocorreu na tarde desta quinta (25) no Palácio do Buriti, Gustavo Rocha disse desconhecer a notícia de que o governador permitirá que torcedores já vacinados assistam ao jogo do Flamengo, no Mané Garrincha, em abril. 
O Flamengo é o time do coração do governador Ibaneis.
Novas variantes
As novas variantes do coranavírus encontradas em Manaus, no Rio de Janeiro e no Reino Unido circulam pelo Distrito Federal. 
A constatação foi feita por meio do sequenciamento genético do vírus, realizado pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen) em parceria com a Universidade de Brasília (UnB). Foram analisadas 44 amostras do coronavírus, colhidas na primeira quinzena de março. 
A informação foi dada pelo secretário de Saúde, Osnei Okumoto.
Quanto ao calendário de vacinas, o GDF seguirá vacinando o público prioritário que são os idosos, mas também destinará 5% das vacinas recebidas a profissionais que atuam na linha de frente do combate à covid. Nesta quinta, foi feito o agendamento para imunização dos trabalhadores da saúde de clínicas e hospitais particulares.
Durante duas horas, 28 mil profissionais como médicos, enfermeiros, nutricionistas, fonoaudiólogos e técnicos de laboratórios, agendaram suas vacinações. 
A secretaria espera receber mais doses do imunizante até amanhã para dar continuidade a imunização desse grupo. 
Somente depois desses, virão os trabalhadores da segurança, motoristas de ônibus e agentes funerários. 
O chefe da Casa Civil do DF, Gustavo Rocha, enfatizou que a imunização de idosos não será comprometida pelo atendimento a algumas categorias profissionais
Gustavo Rocha destacou a necessidade de que 9.227 idosos de faixas etárias já vacinadas compareçam aos postos de vacinação para serem imunizados. “A meta é vacinar 100% de cada faixa etária”, disse. 
O chefe da Casa Civil informou que na faixa de 80 anos ou mais foi vacinado 122% do público alvo. 
O percentual passa dos 100% devido ao atendimento aos moradores do entorno. No grupo de75 a 79 anos, a cobertura vacinal chegou a 98% e na faixa de 69 anos, a vacinação está em 87%.

Fonte: Jornal de Brasília 

Nenhum comentário