Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Últimas notícias

latest

Técnica de enfermagem aplica seringa vazia em idoso que esperava por vacina contra Covid-19 em Goiás

Filha do aposentado contou que ele ficou chateado e chorou quando soube que não foi vacinado. Prefeitura disse que profissional foi afastada...


Filha do aposentado contou que ele ficou chateado e chorou quando soube que não foi vacinado. Prefeitura disse que profissional foi afastada da função e que, depois, o morador recebeu a primeira dose.
Uma técnica de enfermagem foi filmada ao aplicar uma seringa "de vento" no aposentado José Calastro Pires, de 64 anos, que esperava pela vacina contra Covid-19 em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana de Goiânia
A prefeitura informou, em nota, que este é o primeiro caso de erro na vacinação identificado no município e que afastou a profissional da função (leia a íntegra abaixo). 
O aposentado foi se vacinar na quarta-feira (31), quando a campanha de imunização chegou à idade dele. Filha de José, Carla Pires, de 35 anos, conta que o pai foi junto com a esposa ao posto drive-thru da Cidade Administrativa. 
A mãe filmou o momento da vacinação para registrar para a família. 
"No momento da vacina, a minha mãe fez o vídeo, mas estava sem o óculos. 
Depois que ela me mandou a imagem é que percebemos que a seringa estava vazia", conta Carla Pires. 
A filha conta que o pai ficou abalado ao descobrir que não tinha recebido a primeira dose. 
"Quando meu pai soube do erro, ficou muito chateado e chorou à noite, mas o acalmamos para que dormisse bem", contou a filha.Carla voltou com o pai ao posto de atendimento na manhã desta quinta-feira (1º), mostrou o vídeo e conversou com a responsável pela vacinação. A gerente do local solicitou que uma profissional aplicasse, então, a dose em José Calastro, que foi devidamente imunizado com a Coronavac (veja o vídeo).
O cartão de vacina também foi refeito. "Agora que ele foi vacinado está mais calmo e feliz. Triste é imaginar que pode ter outros idosos nessa situação, pois nunca iremos saber se foi um caso isolado", destaca a filha.
O G1 procurou o Ministério Público de Goiás, por e-mail, nesta quinta-feira, para saber se o caso vai ser investigado e aguarda retorno. 
Filha de idoso diz que o pai recebeu a dose corretamente depois de reclamar em Aparecida Nota da Prefeitura de Aparecida de Goiânia
A Secretaria de Saúde de Aparecida de Goiânia esclarece que os profissionais de imunização são treinados para a aplicação de vacinas e que a pasta tem um protocolo de segurança, inclusive, com a prática de mostrar a seringa antes e depois da aplicação para conferência da população. 
Sobre essa denúncia em questão, a secretaria esclarece que foi a primeira vez que o município identificou a situação, justamente pela prática de conferência da seringa, e prontamente corrigiu o erro, vacinando o idoso.
Destaca que diante do erro evidente, a profissional responsável foi afastada dessa função.


Fonte: Portal Forte News
Com informações do G1 GO

Nenhum comentário