Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Últimas notícias

latest

Após denúncia, busca por Lázaro se concentra em vale de Girassol

Após denúncia, busca por Lázaro se concentra em vale de Girassol Helicópteros sobrevoam área de mata em Girassol, distrito de Cocalzinho (GO...


Após denúncia, busca por Lázaro se concentra em vale de Girassol
Helicópteros sobrevoam área de mata em Girassol, distrito de Cocalzinho (GO).
 Uma aeronave do Corpo de Bombeiros está de prontidão.
Na manhã desta quinta-feira (17/6), policiais da força-tarefa que atuam para capturar Lázaro Barbosa, 32 anos, concentram as buscas em um vale na região de Girassol, distrito de Cocalzinho (GO). Lázaro é suspeito de ter assassinado uma família de quatro pessoas no Incra 9, em Ceilândia, na madrugada de quarta-feira (9/6).
Os militares seguem as pistas de moradores que relataram terem visto Lázaro nesta região e, desde então, um novo cerco foi montado para tentar localizar o foragido. Além das equipes por terra, helicópteros sobrevoaram a área e militares usam drone com sensor infravermelho para tentar captar imagens do foragido. Além de todo o aparato militar, a polícia também conta com a ajuda de cães farejadores para procurar pelo homem na mata.
A área de mata é de difícil acesso e fica em frente à base montada pelas equipes de segurança, que reúnem mais de 200 agentes das polícias do Distrito Federal e de Goiás, entre militares, policiais federais, bombeiros e agentes da Polícia Rodoviária Federa
Medo
Os moradores da região continuam assustados com a possibilidade de Lázaro estar nas redondezas. A suspeita é de que o fugitivo tenha passado a noite em uma área urbana, perto do residencial Itamar Nóbrega I, e depois, teria descido para o vale.
O pedreiro Fraklin Serafim, 55 anos, mora no condomínio. "É Complicado porque a gente tem filhos, netos. Já vai para nove dias e não consegue pegar. A gente fica com medo", afirma.
Do outro lado do vale, fica o residencial Itamar Nóbrega 3, onde vive o pai de Lázaro. Nessa quarta-feira (16/6), o homem deixou a casa onde vivia, para evitar questionamentos sobre o filho.
Família chocada
Em entrevista exclusiva ao Correio, a mulher de Lázaro, que prefere não se identificar diz estar estarrecida com a sequência de crimes cometidos pelo companheiro. Ela diz que, se a polícia permitisse, gostaria de tentar convencê-lo a se entregar.Também em entrevista ao Correio, o pai de Lázaro disse falou sobre o filho e disse que não o vê há muito tempo.
Aguarde mais informações

Movimento na base de Girassol com policiais que participam da busca de Lázaro BarbosaFoto: Carlos Vieira/CB/D.A Press

Fonte: Correio Braziliense 

Nenhum comentário