Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Últimas notícias

latest

Celina Leão cresce na bolsa de apostas como candidata a vice de Ibaneis

Celina Leão (PP-DF)    Coluna Eixo Capital, por Ana Maria Campos A deputada Celina Leão (PP-DF) está em todas. Tornou-se uma das aliadas mai...

Celina Leão (PP-DF) 

 Coluna Eixo Capital, por Ana Maria Campos


A deputada Celina Leão (PP-DF) está em todas. Tornou-se uma das aliadas mais próximas de Ibaneis Rocha (MDB). Acompanha a agenda de compromissos políticos do governador e aparece sempre como parceira nas decisões. Dois exemplos só de ontem (10/6): ela participou da audiência com o presidente do Sindicato dos Bancários de Brasília, Kleytton Guimarães Morais, sobre a vacinação da categoria — quando ficou definido que trabalhadores do sistema financeiro de Brasília serão incluídos no plano de prioridades para imunização contra a covid-19. Também participou da reunião com o deputado Fernando Fernandes (Pros) em que ficou definida a licença do mandato para que ele assuma o cargo de administrador regional de Ceilândia. O advogado Marcelo Piauí, assessor de confiança de Ibaneis, deixa a administração e migra para uma função no Palácio do Buriti. E o Guarda Jânio (Pros), eterno candidato a deputado, segundo suplente, vira distrital.
Contra o turismo de vacinas
Quem correu para se vacinar contra covid-19 em outra unidade da federação terá dificuldades para tomar a segunda dose no Distrito Federal. O chefe da Casa Civil do DF, Gustavo Rocha, advertiu ontem (10/6) que o governo local não incentiva o turismo vacinal, como também não quer que Brasília seja procurada como ponto de vacinação de moradores de outras cidades. Esse vaivém, segundo Rocha, atrapalha a programação para a segunda dose que no DF fica reservada para quem se vacina na primeira vez aqui.
Vacinas para todos
De acordo com os dados apresentados ontem pelo governo, 125 mil moradores de outras unidades da federação foram vacinados no DF. Daria para atender várias categorias e avançar nas idades entre os moradores daqui.
Medalha
A ministra Flávia Arruda, da Secretaria de Governo da Presidência, foi condecorada com o grau mais alto da Ordem do Mérito da Defesa, a medalha grã-cruz. Na cerimônia, em comemoração aos 22 anos do Ministério da Defesa, Flávia recebeu a homenagem das mãos do ministro da Defesa, general Braga Netto, e posou ao lado do presidente Jair Bolsonaro.
Bancada promete trabalhar pela derrubada do veto a plano de saúde da PCDF
A bancada de deputados e senadores do DF assinou uma nota conjunta — chancelada por todos os três senadores e oito deputados federais — em que defendem a derrubada do veto imposto pelo presidente Jair Bolsonaro à emenda que autorizou a concessão de assistência à saúde para os policiais civis do DF. O veto deve ser apreciado na próxima sessão do Congresso Nacional. 
A senadora Leila Barros (PSB-DF), coordenadora da bancada, promete trabalhar para buscar o apoio de parlamentares de outras unidades da federação. O principal argumento é de que a medida não cria despesas para a União.
Na luta
O PT-DF divulgou ontem um boletim sobre o estado de saúde de seu presidente, Jacy Afonso: ele está consciente e se recuperando. O petista foi infectado com covid-19 e precisou ser internado e intubado. Mas já foi extubado.
Paulinelli no Senado
Indicado ao Prêmio Nobel da Paz, o ex-ministro da Agricultura Alisson Paulinelli é o convidado especial para discutir hoje (11/6) a agricultura brasileira e a produção sustentável de alimentos na Comissão Senado do Futuro. O convite partiu do senador Izalci Lucas (PSDB-DF). “Paulinelli, criador da Embrapa, é quem tem mais autoridade para falar de produção agrícola e produção sustentável de alimentos nestes tempos de pandemia que semeiam miséria e fome em meio ao nosso povo e à considerável parcela da população mundial”, disse Izalci.
Só papos
“Ele (Queiroga) vai ultimar um parecer visando a desobrigar o uso de máscara por parte daqueles que estejam vacinados ou que já foram contaminados para tirar esse símbolo (mostra máscara), que, obviamente, tem a sua utilidade para quem está infectado”
Presidente Jair Bolsonaro
“Pessoas vacinadas podem contrair covid. Pessoas infectadas podem reinfectar-se. Abolir uso de máscaras para elas é agir a favor da pandemia. É chocante termos lideranças que atuam permanentemente para gerar doença e morte”
Procurador regional da República Wellington Saraiva.

Nenhum comentário