Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Últimas notícias

latest

Aliança em construção: “Prefeitos solicitaram um compromisso para participação na chapa majoritária com Daniel vice [de Caiado]”, diz presidente da FGM

O presidente do MDB em Goiás, Daniel Vilela, recebeu na sede do diretório estadual uma carta assinada por 27 dos 28 chefes de executivos mun...


O presidente do MDB em Goiás, Daniel Vilela, recebeu na sede do diretório estadual uma carta assinada por 27 dos 28 chefes de executivos municipais que defendem a composição com o DEM Haroldo Naves, prefeito de Campos Verdes | Foto: Fernando Leite/ Jornal Opção

O presidente da Federação Goiana dos Municípios (FGM) e prefeito de Campos Verdes, Haroldo Naves (MDB), disse após reunião juntamente com um grupo de prefeitos do MDB que defendem aliança com o DEM, do governador Ronaldo Caiado, que foi solicitado participação da sigla emedebista na chapa majoritária do ano que vem com Daniel Vilela de vice. O emedebista recebeu no final da tarde de quarta-feira, 14, na sede do diretório estadual, uma carta assinada por 27 dos 28 chefes de executivos municipais que defendem a composição entre as duas siglas.

“Os prefeitos solicitaram um compromisso para termos participação na chapa majoritária com Daniel vice e queremos também a participação do senador Luiz do Carmo na chapa majoritária. Essa é a vontade dos 27 prefeitos que subscreveram essa carta”, afirma.

Segundo Haroldo, o governador tem começado a conversar com o presidente regional, Daniel Vilela. “Vamos ouvir o partido e a partir daí vamos levar para ele [Caiado] a proposta, logo que o partido tiver um entendimento melhor, e conversar com ele vamos colocar nossa posição”, disse.

O prefeito ainda descartou qualquer outra aliança que não seja com o DEM. “Pelo que vimos aqui, não sendo uma aliança com o governador vamos defender candidatura própria. Não tem nenhuma tendência de acompanharmos outro partido que não seja o democratas, essa chance é zero”, destaca.

Questionado se a sigla corre risco de perder prefeitos caso não haja aliança disse, “acho que não. O governador tem sido extremamente respeitoso com o MDB. O sentimento hoje de mais de 80% do partido é de acompanhar o governador Ronaldo Caiado, mas, logicamente isso passa por outras etapas de discussão dentro do partido”.

Naves disse ainda que não há pressa para a tomada de decisão. “Precisa de outra instância do partido ser ouvida. Ouvir os presidentes de partido de outros municípios, os vereadores, vice-prefeitos e outras lideranças. Mas, o fato é que os prefeitos em sua maioria mostraram posição de que querem a aliança com o atual governador pelo respeito que ele está tratando os gestores municipais e possibilidade do partido compor uma chapa majoritária no ano que vem. 
O período eleitoral está longe e acho que essa vai ser a tendência do partido de conversar com todos para chegar próximo da decisão unido e o partido forte e estruturado”, avaliou.

Nenhum comentário