banner

quinta-feira, 7 de junho de 2018

author photo

Presidenciável pelo PRB, Flávio Rocha garante que terá palanque no DF
Declaração foi dada em evento nessa quarta-feira (6) para lançar o empresário Wanderley Tavares à pré-candidatura majoritária ao Buriti.
Fundador do grupo Riachuelo, o pré-candidato do PRB ao Palácio do Planalto, Flávio Rocha, afirmou nessa quarta-feira (6/6), em Brasília, que o partido terá candidatura própria no Distrito Federal, como “forma de fortalecer o palanque nacional”. O evento contou com a presença do presidente nacional em exercício da sigla, senador Eduardo Lopes, e de representantes da legenda no DF, os distritais Rodrigo Delmasso e Julio Cesar.
“Temos formado palanques em vários estados e aqui no DF decidimos lançar o Wanderley Tavares, que tem grandes chances de vencer esta eleição”, afirmou Rocha ao Metrópoles. A declaração foi dada durante o lançamento do programa de inovação tecnológica da sigla, espécie de plano de governo apresentado para filiados e simpatizantes da legenda.
O posicionamento cria certo desconforto local, visto que até então o empresário e presidente do PRB-DF, Wanderley Tavares, havia recuado da disposição de concorrer ao Palácio do Buriti para apoiar o nome escolhido pela terceira via: o deputado federal Izalci Lucas (PSDB).
O tucano foi escolhido após análises de cenários feitas pelo senador Cristovam Buarque (PPS) e o deputado federal Rogério Rosso (PSD), tidos como coordenadores do grupo formado por nove partidos políticos: PSDB, PPS, PSD, PRB, PMB, PSDC, PSC, Patriota e PSL.
Em tom de campanha, Wanderley Tavares afirmou que, apesar das diferenças partidárias, espera a união com outras siglas “pelo bem do Distrito Federal”. “Desde o início, defendia a aproximação com o senador Cristovam. Procuramos superar as diferenças no campo ideológico para priorizar a defesa de nossa cidade. Meu nome está à disposição para esse desafio, senador”, instigou Tavares, direcionando a fala ao parlamentar que assistia o discurso.

Resistência
Ao assumir o microfone, Cristovam Buarque explicou que o grupo ainda tem costurado aliança para formar uma chapa majoritária forte para renovar o Palácio do Buriti. “Talvez eu tenha sofrido mais resistência do que o próprio Wanderley para essa união. Reclamavam que ele não tinha experiência em política e eu sempre disse: a depender do momento da história, é mais importante não fazer parte da política do que estar nela”, afirmou o senador.

A possibilidade da candidatura do presidente do PRB-DF também não foi descartada pelo parlamentar. “Temos construído e posso dizer que a chapa está muito próxima a se consolidar e teremos o novo governador do Distrito Federal. Posso afirmar que Wanderley tem tudo para ganhar. Mas a única coisa que todos sabemos é que ninguém ganha uma eleição sozinho”, emendou Buarque.
IGO ESTRELA/ESPECIAL PARA O METRÓPOLES


Ao lado dos distritais Delmasso e Julio Cesar, senador Cristovam Buarque pediu união do grupo: “Ninguém ganha sozinho”

Ausência de Izalci e Rosso

Mesmo convidados para o evento, os deputados federais Rogério Rosso e Izalci Lucas tiveram de permanecer na sessão de votação que era deliberada na Câmara dos Deputados. Para o presidente do PSD-DF, a reunião do PRB é legítima. “A visão e as ideias do Wanderley são modernas e inovadoras. Precisam ser avaliadas e aproveitadas no DF onde for possível e exequível. Numa coligação, o importante é somar e não dividir, além de respeitar a autonomia que os partidos têm para lançar suas bandeiras”, disse Rosso.

Izalci explicou à reportagem que dedicou o fim da noite para se reunir com o pré-candidato nacional do PSDB, Geraldo Alckmin, para consolidar a própria pré-candidatura ao Palácio do Buriti. “Superada a questão jurídica, que é inquestionável, faltava eu ter a segurança política, que só o Alckmin poderia me dar e me confirmou que serei o candidato do PSDB”, disse.

Sobre a disposição do PRB-DF lançar candidatura própria, Izalci reconheceu ser legítimo entre os partidos políticos a movimentação com vistas ao fortalecimento dos projetos partidários. “O momento é esse e o PRB terá o seu palanque aqui, independentemente se estiver na cabeça de chapa ou como vice. O que buscamos, incluindo o Wanderley, é a unidade do grupo para um futuro melhor para todos nós do Distrito Federal”, disse.
your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior

Publicidade