banner

quinta-feira, 29 de novembro de 2018

author photo


O pleito de 2018 rompeu alguns paradigmas políticos dentre eles a representatividade feminina no poder legislativo.

A Bancada feminina da Câmara dos deputados passou de 51 parlamentares para 77 integrantes, o que representa 15% das 513 vagas da Câmara Federal.

Um dos maiores percentuais na história da política brasileira, veja o comparativo em números:
Ano de Referência
Número de Deputadas Eleitas
1998
29
2002
42
2006
47
2010
45
2014
51
2018
77

Se compararmos ao longo dos anos é possível evidenciar um crescimento significativo da bancada feminina apesar de não corresponder ainda a uma porcentagem ideal. As mulheres estão mais participativas e politizadas.

Proporcionalmente o Distrito Federal é a unidade da federação cuja representatividade feminina será maior na Câmara Federal. Das 8 vagas para a Câmera Federal 5 serão ocupadas mulheres, outro destaque é para votação expressiva das parlamentares, as três primeiras colocadas na votação são mulheres.
Ranking
1º Flavia Arruda: Candidata do PR, obteve 121.340 votos totalizados (8,43% dos votos válidos);

2º Erika Kokay: Candidata do PT, Erika 89.986 votos totalizados (6,25% dos votos válidos);

3º Bia Kicis: Candidata do PRP, obteve 86.415 votos totalizados (6,00% dos votos válidos);

7º Paula Belmonte: Candidata do PPS, obteve 46.069 votos totalizados (3,20% dos votos válidos);

8º Celina Leão:
Candidata do PP, obteve 31.610 votos totalizados (2,20% dos votos válidos).

Da Redação do Blog
your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior

Publicidade