banner

sábado, 27 de abril de 2019

author photo

Bolsonaro visita Yasmin na Estrutural para “desfazer mal-entendido”
Na ocasião, presidente comentou frase de Lula, de que Brasil é “governado por bando de maluco”: “Pelo menos não é bando de cachaceiros”
Bem vindo ao Player Audima. Clique TAB para navegar entre os botões, ou aperte CONTROL PONTO para dar PLAY. CONTROL PONTO E VÍRGULA ou BARRA para avançar. CONTROL VÍRGULA para retroceder. ALT PONTO E VÍRGULA ou BARRA para acelerar a velocidade de leitura. 

Depois de receber Yasmin Alves, 8 anos, no Palácio do Planalto durante a semana, o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), foi até a casa da garotinha neste sábado (27/04/2019), na Quadra 2 da Cidade Estrutural, no Distrito Federal. Ele estava acompanhado da primeira-dama, Michelle Bolsonaro. Na saída, comentou a primeira entrevista concedida pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no cárcere a dois jornais, na qual o petista diz que o Brasil é governado por um bando de maluco. “Pelo menos não é um bando de cachaceiros”, disse Bolsonaro.
Para o presidente, a Justiça errou ao deixar o petista dar entrevista nessa sexta-feira (26/04/2019), pois ele cumpre pena em Curitiba (PR). “Eu acho que o Lula falou besteira. O time dele está preso. Ele tinha um plano de poder para roubar a nossa liberdade”, destacou.
A visita à casa de Yasmin, que não estava na agenda, segundo ele, foi de cortesia para “desfazer um mal-entendido”. A pequena ficou conhecida após aparecer em um vídeo em que supostamente “se nega” a cumprimentar o chefe do Executivo durante evento na Escola Classe 1 da mesma região administrativa.
Na casa de Yasmin, a família ofereceu bolo de chocolate, pão com leite condensado, mas Bolsonaro ficou apenas no café. Disse que não deu tempo de comer as guloseimas. Depois, na saída, pegou Yasmin no colo. A menina vestia a blusa do Flamengo que o presidente deu de presente a ela durante a visita ao Palácio do Planalto.
Segundo a estudante contou em entrevista exclusiva ao Metrópoles logo depois da divulgação do vídeo, ela não se recusou a falar com o presidente, somente respondeu negativamente quando Bolsonaro perguntou se ela torcia para o Palmeiras. A garota é flamenguista.
“Ele perguntou quem era palmeirense e eu balancei a cabeça, dizendo que não era”, explicou Yasmin ao reforçar a paixão pelo Flamengo. Neste sábado (27/04/2019), perguntada qual dos dois times era o melhor, ela respondeu: “os dois”.
Na última quinta (25/04/2019), a menina foi ao Palácio do Planalto acompanhada dos pais e ganhou uma blusa do Flamengo do presidente. O chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM), o vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB), e o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), também estavam no local.

your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior

Publicidade