banner

terça-feira, 23 de abril de 2019

author photo

Francischini se irrita com oposição na CCJ: “Isso aqui não é feira”
Retirada de pauta e votação item por item estão entre os requerimentos de deputados na tentativa de derrotar o governo
A reunião da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara começou por volta das 15h, com 62 dos 66 deputados presentes. O presidente da CCJ da Câmara, Felipe Francischini (PSL-PR), se irritou com as inúmeras tentativas de obstrução feitas pela oposição no início da sessão da comissão, destinada à votação da reforma da Previdência.
“Quem tem razão não precisa gritar, não precisa berrar”, disse o deputado. “Isso aqui não é feira”, disse Francischini diante dos oposicionistas que tiveram suas questões de ordem rejeitadas pelo presidente. “Foi prejudicado e pronto”, disse Francischini, ao não aceitar os requerimentos de retirada de pauta. Deputados governistas aplaudiram o presidente no momento em que ele chamou a atenção da oposição.
Antes do início da reunião da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, a oposição apresentou uma série de requerimentos para tentar adiar a votação e impor uma nova derrota ao governo na reforma da Previdência.
Leia mais:  https://www.metropoles.com/brasil/politica-br/previdencia-oposicao-apresenta-arsenal-de-pedidos-para-barrar-votacao
your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior

Publicidade