quarta-feira, 11 de setembro de 2019

author photo

Faca usada por Adélio para atacar Bolsonaro vai para museu em Brasília
A lâmina de 30cm estava há quase um ano em posse da Polícia Federal
A faca usada no ataque ao presidente Jair Bolsonaro, durante a campanha de 2018, será transferida para o Museu Criminal da Polícia Federal (PF), em Brasília, após decisão da Justiça. O juiz Bruno Savino, da 3ª Vara da Justiça Federal em Juiz de Fora (MG), atendeu pedido do Ministério Público Federal (MPF) e da PF, considerando haver "relevante valor histórico" na arma.
A lâmina de 30cm enfiada na barriga do presidente por Adélio Bispo de Oliveira estava há quase um ano em posse da Polícia Federal. Para o magistrado, a peça representa a violência sofrida por Bolsonaro e, sobretudo, "simboliza, a partir de uma ótica mais ampla, a agressão cometida contra o próprio regime representativo e democrático de direito".
Bruno Savino diz que o interesse na conservação do objeto "preserva a história política recente do país". A peça foi usada como prova no processo que concluiu ser Adélio o culpado pelo crime. O interesse em armazenar a faca foi informado à Justiça pela diretoria da Academia Nacional de Polícia, núcleo de formação da PF, com a justificativa de que a arma foi periciada pela corporação durante as diligências sobre o atentado.

your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior

Tempo Agora

ESTRUTURAL - DF TEMPO AGORA