terça-feira, 22 de outubro de 2019

author photo

Polícia investiga denúncia de maus-tratos em creche de Ceilândia
Uma monitora supostamente agrediu uma criança enquanto professoras almoçavam
A Polícia Civil investiga um caso de maus-tratos a crianças em uma creche particular conveniada à Secretaria de Educação. Câmeras de segurança do Instituto Paz e Vida, localizado no P Sul, em Ceilândia, registraram o momento em que uma monitora aperta o braço de uma criança, aponta o dedo na cara dela e, em seguida, a coloca em uma cadeira.
A suposta agressão ocorreu na tarde desta segunda-feira (21/10), por volta de 13h30. "Era um horário em que as professoras estavam no almoço. É possível ver que ela age de forma ríspida, talvez por falta de profissionalismo ou orientação”, afirma o titular da 23ª Delegacia de Polícia (P Sul), Danilo Augusto, que investiga o caso. “Visivelmente, ela se mostra impaciente e aponta o dedo na hora de falar. A expressão das crianças é de medo.”
Durante o depoimento, a acusada negou qualquer tipo de agressão, segundo o delegado. Ainda de acordo com ele, cabe a creche decidir se afastará a monitora do cargo.
your advertise here
Próximo Próximo
Anterior Anterior

Tempo Agora

ESTRUTURAL - DF TEMPO AGORA