Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Últimas notícias

latest

Assaltantes que mataram PM da reserva receberam informações privilegiadas, afirma polícia

Dois ladrões renderam o sargento João Batista da Conceição Melo na casa dele.  Os suspeitos fugiram com R$ 10 mil e duas Os dois assaltantes...


Dois ladrões renderam o sargento João Batista da Conceição Melo na casa dele. 
Os suspeitos fugiram com R$ 10 mil e duas
Os dois assaltantes acusados do latrocínio (roubo seguido de morte) do sargento João Batista da Conceição Melo receberam informações privilegiadas, afirma a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF). 
Os suspeitos renderam o policial militar da reserva no momento em que ele chegava em casa, na noite de quarta-feira (23/12), em Brazlândia. 

O caso está em apuração na 18ª Delegacia de Polícia (Brazlândia).

De acordo com o delegado Marcelo Rodrigues, os suspeitos ficaram aguardando a vítima chegar na residência para rendê-la. 
"O militar, ao chegar na casa, acionou o portão elétrico e entrou com o veículo. Nesse momento, os assaltantes aproveitaram para entrar no local. Eles receberam informações privilegiadas, pois ali, já buscaram pelos R$ 10 mil e as armas da vítima, que era atirador", explica.
Segundo o investigador, o sargento não presenciou o roubo no interior da residência, pois ficou dentro do automóvel, na garagem. "Os ladrões renderam, no interior da residência, outras vítimas. Após pegarem o dinheiro e as armas, colocaram esse grupo em um cômodo e saíram. As outras vítimas ouviram disparados e encontraram o militar alvejado dentro do carro", acrescenta.
O familiar do sargento reformado foi responsável por tentar socorrê-lo ao Hospital Regional de Brazlândia, onde houve os primeiros socorros. 
Contudo, o militar não resistiu aos ferimentos. "Estamos investigando o latrocínio e nos esforçando para capturar os autores deste crime", finaliza o delegado Marcelo Rodrigues.

Fonte: Correio Braziliense 

Nenhum comentário