Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Últimas notícias

latest

Fiéis agradecem e fazem pedidos para 2021 na Missa do Galo; veja imagens

Tomando cuidados para evitar a disseminação da covid-19, cerca de 320 fiéis foram celebrar o Natal na Catedral Metropolitana de Brasília Em ...


Tomando cuidados para evitar a disseminação da covid-19, cerca de 320 fiéis foram celebrar o Natal na Catedral Metropolitana de Brasília
Em tom de gratidão e esperança, cerca de 320 fiéis compareceram, na noite desta quinta-feira (24/12) à tradicional Missa do Galo, na Catedral Metropolitana de Brasília. Seguindo as medidas para evitar a disseminação do novo coronavírus, a missa teve início às 20h e foi celebrada pelo arcebispo da arquidiocese, Dom Paulo César.
Segundo o bispo, a Missa do Galo teve um tom especial este ano. “Em meio a tantas tristezas que a pandemia trouxe, tiramos a noite para celebrar o nascimento de Jesus. As pessoas trazem dentro de si desilusão e tristezas, mas a data nos lembra que não estamos sozinhos”.
“O Natal fala muito sobre luz e alegria e é sentimento que queremos transmitir hoje. Queremos que a fé traga esperança neste momento difícil da história”, completa Dom Paulo César.

Missa do GaloCarlos Vieira/CB/D.A Press

Tradição

Durante a missa, os fiéis entoaram hinos e preces a Deus. Isadora Marques, 28 anos, é católica desde que nasceu e nunca deixou de ir à Missa do Galo. E este ano não foi diferente. 
A moradora da Asa Sul chegou cedo para garantir um lugar no templo.
“Estava esperando muito por esta missa, pois é um momento que Jesus nasce no coração de todos e traz a esperança do novo”, afirma.

Para ela, o sentimento é importante, principalmente em meio a pandemia de covid-19. “Espero que este sentimento de renovação possa se estender para Brasília e para todo o mundo e que o ano que vem seja diferente”, conclui Isadora.
Ano novo

Até 31 de dezembro, a catedral seguirá realizando missas. No último dia do ano, porém, haverá uma programação especial. Às 16h está prevista uma celebração de gratidão e, às 20h, a última missa do ano.

Por causa da pandemia, o local, que antes recebia cerca de 1.200 pessoas, só poderá comportar até 320 fiéis. Por isso, é recomendado que as pessoas se programem e cheguem cedo.

Fonte: Correio Braziliense 

Nenhum comentário