Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Últimas notícias

latest

Em depoimento, Anderson do Molejo admite relação sexual com rapaz

Nesta quarta-feira (03), o colunista Alessandro Lo-Bianco do site TV Prime, teve acesso ao boletim de ocorrência de um jovem de 21 anos, con...


Nesta quarta-feira (03), o colunista Alessandro Lo-Bianco do site TV Prime, teve acesso ao boletim de ocorrência de um jovem de 21 anos, conhecido por Maycon Douglas Pinto de Nascimento Adão. O rapaz acusa o vocalista do grupo Molejo, Anderson de Oliveira, por crime de estupro.

Pois bem, nesta sexta-feira (05), Anderson Leandro, compareceu à 33ª Delegacia de Polícia do Rio de Janeiro, em Sulacap, para prestar depoimento.
Conteúdo recomendado:
No depoimento, ele admitiu que houve relação sexual com MC Maylon. Contudo, nega que houve estupro e garante que o ato “foi consensual”.

Antes mesmo do depoimento, a Polícia Civil solicitou exames para verificar se o acusado praticou ato sexual com a vítima. A investigação também vai requisitar imagens de câmeras de segurança no motel onde a situação foi registrada. Testemunhas também serão ouvidas.

Entenda o caso:

Segundo o Boletim de Ocorrência e o Termo de Declaração, prestado por Maycon às autoridades, ele saiu de casa no dia 11/12/20 por volta das 24h. Ele narra que saiu da sua residência para se encontrar com seu patrocinador, a fim de conversar sobre sua carreira artística. O encontro teria sido marcado em um clube conhecido como Colombinos, no bairro da Taquara, onde seu empresário possuiria um grupo de futebol.

Ele conta que lá chegando entrou no carro do seu empresário, Anderson Leonardo de Oliveira, vocalista do grupo Molejo. Segundo o relato, o carro de Anderson seria uma Ranger Rover Evoque, na cor verde, e que o teor da conversa “era para resolver o problema do castigo”, no qual teria sido submetido por Anderson. O motivo do castigo, de acordo com o jovem, seria que MC Maylon teria danificado uma bota do cantor enquanto dançava em um dos seus shows, que teria sido realizado pelo vocalista do grupo Molejo.
Maycon contou para as autoridades que após o show relatou o ocorrido para esposa de Anderson, exatamente o que teria acontecido no palco. O jovem narra que, enfurecido, Anderson decidiu reprimi-lo, colocando ele de castigo. Esse castigo, segundo o jovem, seria uma censura para participar de todo e qualquer evento patrocinado por ele, e que Anderson comunicou que qualquer fato o envolvendo deveria ser comunicado diretamente a ele e a mais ninguém. Ele afirma em depoimento que foi, por este motivo, penalizado em um mês e cinco dias.
Após o fato, Anderson, segundo consta no Termo de Declaração, marcou uma reunião para revisar o castigo e conversar. Ele continua seu relato dizendo que, já no interior do veículo, Anderson teria dito: “vamos pra algum lugar comer alguma coisa e a gente faz a reunião, filho”. Ela conta que percebeu que Anderson dirigia o carro para a estrada do Catonho e acreditou efetivamente que eles iriam fazer uma refeição. Entretanto, Anderson teria o levado para um motel chamado Queen, estranhou o fato de terem entrado no local e ficou constrangido com a situação.

Fonte: Uol 

Nenhum comentário