Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Últimas notícias

latest

Adolescente de 14 anos foge de casa para ficar com o namorado de 35 em Avelino Lopes, o qual lhe alicia desde que ela tinha 12 anos

Uma adolescente de 14 anos, identificada como Isadora Valentim, fugiu na madrugada do dia 24 de março da sua residência, onde morava com a m...


Uma adolescente de 14 anos, identificada como Isadora Valentim, fugiu na madrugada do dia 24 de março da sua residência, onde morava com a mãe e o padrasto, no interior de Júlio Borges, para supostamente ficar com o namorado, um homem de 35 anos, morador da cidade de Avelino Lopes. 
A família da adolescente teme que ela esteja sendo coagida pelo suspeito, que em seu perfil no Facebook registrou que estaria em "um relacionamento sério" no dia 2 de março. 
Os comentários feitos por diversas pessoas na postagem condenando o sujeito confirmam tratar-se da menor em questão.
Segundo familiares, a aproximação entre os dois teria iniciado entre 2019 e 2020, quando Isadora era apenas uma criança, sendo o suspeito primo do padrasto dela, e dono de uma borracharia.
 "Onde eles moram é muito interior, não tem internet, não tem nada e esse rapaz começou a frequentar a casa e aliciar ela dando um chocolate, um baton, sempre um presente e ela foi se encantando por ele", relatou uma prima dela que mora em Brasília.
Um Boletim de Ocorrência foi registrado no dia que a adolescente saiu de casa. 
O caso foi assumido pelo Conselho Tutelar, que já teria formalizado a denúncia junto ao Ministério Público, de acordo com os familiares.
 A 4ª Companhia de Polícia Militar de Avelino Lopes e o Conselho Tutelar já realizaram buscas na casa dos pais do suspeito, no município de Avelino Lopes, mas não encontraram a menina.
Uma pessoa conhecida da família do rapaz confirmou que ela estaria na cidade, mas que seria muito difícil alguém confirmar onde sem uma ação mais enérgica por parte da polícia. "Todo mundo da família dele sabe onde ela está, são todos coniventes, uma vergonha", disse ele.
O Comandante da 4ª CPM, o tenente Anderson, disse ao Portal Corrente que aguarda o contato da família da adolescente, caso queiram auxílio no retorno da menina.
O artigo 217-A do Código Penal estabelece que a prática de atos libidinosos (e aqui pode ser até um beijo mais quente), bem como a conjunção carnal com menor de 14 anos é crime de estupro de vulnerável, mesmo que haja consentimento por parte da pessoa menor ou de seus pais.
Além de aliciar uma menor com a prática de dar doces e presentes para a criança, caso se confirme que ele esteja escondendo ela em cativeiro oculto, ele também poderá responder pelo crime de sequestro.
Caso alguém tenha informações sobre o paradeiro da adolescente, pode entrar em contato com a Polícia Militar de Avelino Lopes, através do telefone/Whatsapp (89) 98125-5200. 
A identidade do denunciante será preservada.


Conforme a Lei 9.610/98, é proibida a reprodução total, parcial ou divulgação comercial deste conteúdo sem prévia autorização do Portal Corrente.
 
Fonte: Portal Corrente

Nenhum comentário