Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Últimas notícias

latest

Republicanos DEM, e MDB podem figurar na chapa de Ronaldo Caiado

O  xadrez da política DEM, MDB e Republicanos podem figurar na chapa de Ronaldo Caiado domingo 23 maio 2021 0:12 O governador pode fortalec...


xadrez da política
DEM, MDB e Republicanos podem figurar na chapa de Ronaldo Caiado
domingo 23 maio 2021 0:12
O governador pode fortalecer as chapas para deputado estadual e federal dos partidos que ficarem fora da chapa majoritária


Daniel Vilela e Ronaldo Caiado | Foto: Divulgação

Quem disser que as chapas majoritárias de todos os grupos políticos serão fechadas já em 2021 certamente errarão nos prognósticos. A tendência é que as discussões sejam iniciadas e fortalecidas em 2021, mas as decisões devem ficar para abril, maio ou junho de 2022.

Neste momento, fala-se em três chapas para o governo. Primeiro, a do governador Ronaldo Caiado, do partido Democratas. Segundo, a do MDB, com Daniel Vilela ou Gustavo Mendanha. A terceira, a do Patriota, com Jânio Darrot, que planeja uma aliança com o PSDB do ex-governador Marconi Perillo. Há também a possibilidade de o tucano-chefe disputar o governo.

João Campos: deputado federal pelo Republicanos | Foto: Jornal Opção

Na verdade, todos — exceto Ronaldo Caiado, que está definido como candidato — estão colocando seus nomes com o objetivo de se mostrarem tanto para a população quanto, sobretudo, para as lideranças políticas. O objetivo, no fundo, é buscar, ao apresentar seus nomes, alianças. Como se sabe, só são chamados para a mesa de negociação aqueles políticos que estão expostos, que se posicionam como possíveis postulantes.

Experts políticos sugerem que Ronaldo Caiado pode operar uma chapa majoritária com a participação do Democratas, do MDB e do Republicanos. A chapa poderia ser assim: Ronaldo Caiado para governador, Daniel Vilela (ou Gustavo Mendanha) para vice e João Campos para senador. Uma segunda hipótese: Ronaldo Caiado para governador, João Campos para vice e Daniel Vilela para senador. Uma terceira hipótese: Ronaldo Caiado para governador, Daniel Vilela (ou Gustavo Mendanha) para vice e Henrique Meirelles para senador. Fala-se também que Iris Rezende, mesmo falando em “aposentadoria”, pode figurar na chapa. O nome do deputado Lissauer Vieira também tem sido apontado para vice.

Henrique Meirelles: cotado para o Senado | Foto: Reprodução
Chega-se a comentar que Ronaldo Caiado pode até mesmo rearticular uma aproximação entre Daniel Vilela e o Republicanos do prefeito de Goiânia, Rogério Cruz, e do deputado federal João Campos.
As peças do xadrez ainda não estão no tabuleiro — estão ao lado. Os estrategistas estão planejamento como jogar. Mestre da política, Ronaldo Caiado está dialogando, ouvindo mais do que falando, mas uma coisa é certa: quer o MDB ao seu lado. Entretanto, se não for possível, irá com outra composição, atraindo outros jogadores para a disputa. Ele já é muito forte. Quer o MDB na chapa para ficar ainda mais forte.

Lissauer Vieira: cotado para a vice de Ronaldo Caiado | Foto: Divulgação
No caso de se fechar uma chapa com DEM, MDB e Republicanos, o que farão os demais partidos da base aliada? Uma boa saída pode ser Ronaldo Caiado fortalecer suas chapas de candidatos a deputado estadual e federal.

Fonte: Jornal Opção 

Nenhum comentário