Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Pages

Últimas notícias

latest

“Nada mais justo do que ele ficar livre e nos deixar livre”, diz Virgílio Neto do PROS-DF

O presidente regional do PROS-DF, Virgílio Neto, afirmou neste sábado (12), que a executiva regional -, “está se reunindo para tratar do cas...


O presidente regional do PROS-DF,
Virgílio Neto, afirmou neste sábado (12), que a executiva regional -, “está se reunindo para tratar do caso do deputado Fernando Fernandes e liberar ele do partido. ”
Segundo Virgílio, o parlamentar não tem participação ativa no partido. “Ele gosta de andar só, não tem participação ativa, não comunica, não nos consulta e chegamos ao ponto crucial”, pontuou Virgílio.
Tudo Ok Notícias- Indagado se o partido havia comunicado o parlamentar, Virgílio foi direto. “Não, da mesma forma que ele não nos comunicou, desses últimos tratamentos políticos feito por ele. Na realidade é juntar a executiva e dar a liberação da carta, para ele procurar outro partido”, frisou Neto.
Em nota, o presidente regional do PROS-DF, convocou uma reunião na segunda-feira, 14, para selar o destino de Fernando Fernandes, que ocupa o cargo de deputado distrital pelo PROS na CLDF.
Virgílio repudia as ações do deputado que não agrega nada ao partido. “Ninguém tem nada contra o distrital, só que existe muita cobrança dentro do partido. Fernando, tem agido sozinho conforme os seus interesses. 
Existe uma insatisfação geral da nacional e agora da regional local”, declarou Virgílio.
Neto deixa claro em entrevista que partiu dele a ideia de liberar o deputado e que tentou dialogar. 
“O mandato é do partido e com medo de perder o mandato, resolvemos liberar ele. Com a carta, ele fica à vontade para fazer as tratativas dele e do grupo dele. 
O que não dá é usar o nome do PROS sem comunicar o PROS, sem nenhum tipo de convivência partidária”, enfatizou Virgílio.
Perguntado como é a atuação do representante do PROS-DF – “Ao longo do mandato, ele não frequenta e não participa do PROS. Tem saído do mandato dele, assumindo administrações. 
O PROS tem legenda, onde ele foi eleito e até então nós não participamos da vida parlamentar dele. Existem cobranças e este é o momento crucial.
O presidente ouviu boatos de que Fernando Fernandes já tem pretensões de ir para outros partidos como PP e MDB. “Nada mais justo do que ele ficar livre e nos deixar livre”, concluiu o presidente.
Ele [Virgílio] – deixou claro que o deputado distrital Fernando Fernandes (PROS-DF), poderá participar da reunião que vai decidir pela sua expulsão do partido a partir de segunda-feira (14). “A decisão não cabe somente a mim. Cabe também aos demais membros. ”

Leia também

Nenhum comentário