domingo, 1 de dezembro de 2019

author photo
Mortos em baile funk devem ir para conta de João Doria, diz Guga Noblat
"Polícia que joga bomba de gás lacrimogêneo num baile funk onde estão 5 mil jovens é uma polícia incompetente e perversa. O 8 que morreram pisoteados estão na conta do governador que permite esse tipo de ação. O delegado do caso já mostrou que o papel dele será apenas passar pano", disse o jornalista Gugga Noblat pela Twitter

247 - O jornalista Guga Noblat criticou a operação da Polícia Militar durante um baile funk na comunidade de Paraisópolis, que resultou em nove mortes na madrugada deste domingo, 1.
Para Guga Noblat, o governador de São Paulo, João Doria, seve ser responsabilizado pela ação desastrosa da PM. "Polícia que joga bomba de gás lacrimogêneo num baile funk onde estão 5 mil jovens é uma polícia incompetente e perversa. O 8 que morreram pisoteados estão na conta do governador que permite esse tipo de ação. O delegado do caso já mostrou que o papel dele será apenas passar pano", disse o jornalista pela Twitter.
Também pelo Twitter, João Doria lamentou as mortes em Paraisópolis e determinou investigação da atuação da PM. "Lamento profundamente as mortes ocorridas no baile funk em Paraisópolis nesta noite. Determinei ao Secretário de Segurança Pública, General Campos, apuração rigorosa dos fatos para esclarecer quais foram as circunstâncias e responsabilidades deste triste episódio", disse Doria.
Segundo frequentadores do baile funk de Paraisópolis, o certo da PM do governador João Doria teria levado quem estava na rua a correr para uma viela, e o resultado foi a morte de pelo menos nove pessoas pisoteadas. "Quem estava na frente caiu", afirmou o estudante de direito Luiz Henrique (leia mais no Brasil 247).

your advertise here

Este post tem 0 Comentários

Próximo Próximo
Anterior Anterior

Tempo Agora

ESTRUTURAL - DF TEMPO AGORA